Hello World ou Apresentação ou O Primeiro Post

Olá você que está lendo este blog pela primeira vez (ou que por algum motivo estranho quer reler este post), meu nome é Renan Barcellos e este aqui será um espaço em que irei colocar as coisas que escrevi, mostrar minha produção, falar sobre os mundos que, por enquanto, existem apenas na minha cabeça. Em geral, coisas desta ordem.

Sendo mais específico, neste blog pretendo apresentar as coisas que venho trabalhando de forma a mostrar os mundos e universos que vou criando ao longo de minha escrita. Existe um cenário mais ou menos principal (pelo menos, no momento presente) e é nele que tenho depositado a maioria de meus esforços e que pretendo pouco a pouco esmiuçar e apresentar suas culturas, seus lugares e suas vidas. Contudo, não é só este mundo que habita minha imaginação e com o tempo vai sendo colocado em um papel (tanto físico, quanto digital), mas existem outros cenários nos quais acabo fazendo este ou outro conto, este ou outro personagem e guardo os fragmentos de criação que surgiram para futuramente olhar com mais afinco.

Bom, é daí que vem esse nome estranho (mas que talvez não seja tão estranho quanto Trapeixe): SteamlessPunkless e Outros Cenários.

“SteamlessPunkless” seria o cenário mais ou menos principal a que me referi algumas dezenas de palavras atrás. Ele é um cenário basicamente de fantasia medieval… Mas um pouco mais complicado que isso (explicarei um pouco mais sobre isso no próximo post). Já o “E outros cenários”… bem, seriam os outros cenários os quais me referi, que abrangem fantasia moderna, cyberpunk e coisas pós-apocalípticas que em sua maior parte ainda residem em minha mente.

Imagem do cenário de RPG cyberpunk 2020 para alegrar a galera.

Como dito, este blog será mais concentrado no mundo carinhosamente batizado de SteamlessPunkless, porque ele é a casa do livro que estou escrevendo, mas vez ou outra eu pretendo mostrar algo dos “outros cenários”, que tambem ocupam uma parte bem grande do meu coração de escritor.

A abordagem será mais ou menos a seguinte (embora conforme eu for vendo que ela é completamente inútil e equivocada eu vá mudando):

Terei posts mostrando coisas do mundo que já foram criadas, seja um lugar, um personagem importante para a história do mundo, uma organização, uma cultura, uma cidade, um reino… enfim, coisas deste tipo. Não me estenderei muito sobre o que tiver sendo falado, será apenas uma forma de apresentar uma faceta do mundo de Cmyvllaeth (sim, este é o nome… creio que depois falarei sobre nomes).

Outros posts serão uma forma mais “prática” de mostrar o mundo que criei, pois será pela forma de contos que eu escrevi e que ainda vou escrever (estes serão postados depois de escritos, o plutônio esta caro). Espero conseguir mostrar não só as coisas que criei “funcionando” como também mostrar um pouco da minha produção e, com sorte, receber um pouco de feedback sobre o que tenho escrito.

Um terceiro tipo de post, será mostrando todo o processo de criação do mundo pelo qual eu passei. Desde o inicio, desde a primeira chama de ideia, os fracassos, os acertos, as ideias que descartei sumariamente e sem pena quando algo mais agradável (ou não), entrou em cena. Acho que isso pode ser interessante para quem lê, sei lá, ver não só o resultado como os processos que levaram a esses resultados. Até mesmo para outros escritores amadores, como eu, pode ser algo divertido, ver como foi todo o processo de criação, o que levou ao que, coisas deste tipo. Depois que eu tiver contado todo o processo até a época atual (o que são uns… 4 anos), vou fazer uma espécie de diário de bordo, mostrando semanalmente (ou de duas em duas semanas), coisas que eu fiz no período em questão, dificuldades, acertos, progressos e coisas do tipo. Isso provavelmente vai ser mais voltado para o livro que estou escrevendo, mostrando o processo de construção e futuramente escrita. Falarei mais sobre isso quando o tempo chegar.

Em relação aos outros cenários, será feita coisa parecida, mas em menor escala e não mostrarei o processo de criação, tal qual o “steamlesspunkless”. A não ser que haja muita insistência ou algo parecido, não sei.

teste
Imagine isso sem o Steam e com muito pouco punk. (sem robôs também).

Sobre a estrutura do blog, na parte lateral há um botão de seguir, onde quem o fizer será notificado por e-mail dos posts novos (aos meus amigos, é obrigatório seguir u_u) e um like para um pagina no facebook que irei tentar organizar com o tempo (e que já está criada). Tem também coisas de praxe, como arquivos do blog, lista de categorias e uma lista com links “amigos”, onde ficarão links para outros sites de outros escritores, e possivelmente de coisas interessantes.

Para os escritores e para aqueles que pretendem começar a escrever, há também o Taverna do Trapeixe, blog do grupo de escrita o qual participo (e que me ajudou muito, muito e mais um pouco de muitos) e que é voltado para postar dicas para escritores, coisas sobre criação de personagens, estudo sobre gêneros e sub-gêneros literários, técnicas de narrativa, exercícios e, a grosso modo, qualquer coisa que possa ajudar um escritor.

Bom, acho que a apresentação é mais ou menos isso. No próximo post provavelmente irei dar uma visão rápida sobre o mundo de Cmyvllaeth (que se pronuncia miv-la-É e seria um péssimo nome para o blog porque ninguém iria acertar escrever) ou alguma coisa parecida. Pretendo fazer de dois a três posts por semana e vou tentar ser bem rigoroso quanto a isso.

É, acho que isso foi uma apresentação. Então, até a próxima, pessoas que leram até esse ponto.

Renan Barcellos, que estava bebendo café frio

e ouvindo  “And Then There Was Silence” do Blind Guardian

Anúncios

19 comentários sobre “Hello World ou Apresentação ou O Primeiro Post

  1. Gostei da proposta do cenário! E preciso eu mesmo parar pra ler os posts do Trapeixe… eu participo dessa bodega e não parei pra ver nada de lá, acredita? .-. Enfim, considere-se devidamente linkado, e quando tiver banner me avisa pra eu botar no Steamage também. Abraços!

    • Valeu, Heitor! Só que banner acho que vai demoraaaar para eu ter um D:
      E leia as coisas do Trapeixe sim u_u E escreva para lá coisas de História tambem xDD
      Btw, seu post caiu como Spam. Vai saber porque D:

  2. YAY BORA LÁ \O/
    Fiquei imaginando a pronuncia de Cmyvllaeth desde que você falou daí chegou no fim e era uma coisa tão simples. Comassim.

    Quero só ver seus posts semanais hein ~chata :3

    • Acho que fica simples depois que mostro a pronúncia, mas ainda to pra ver alguem que acerte de primeira u_u

      Quanto aos posts, prometo tentar manter a regularidade xDD

  3. Steampunk é legal quando tem tecnologia que quebra a todo momento e alguns chutes salvam o dia, claro que precisa de mutações em relação a raças de monstros.
    Vou acompanhar isso aqui quando lembrar de olhar ou for jogado contra o muro para olhar, de qualquer forma, faça boas explicações e ajude novas mentes a procura de informações (não esqueça dos zumbis, são necessários).

  4. Quero mapa, quero mapa, quero mapa!!!!
    ~> Vou acompanhar essa budega, nem me decepcione RAnanzito!
    Posso divulgar para quem eu quiser?

    • Quando eu tiver o suficiente para um mapa decente, vou falar pra você pedir pra Nick fazer um :P
      De graça, claro D:
      Pode divulgar pra quem quiser sim =D

  5. Bem, depois de praticamente ser coagida, aqui estou eu.
    Renan, eu gostei da proposta do blog e vou gostar de acompanha-lo, pois não é de hoje que tenho acesso a alguns de seus trabalhos e sempre gostei de tudo que li (apesar de não ser nenhuma critica especializada no assunto). Então, acho que é isso, passarei aqui sempre que puder.
    Obs.: é bom mesmo que você descreva os cenários, já que eu sou meio ignorante no assunto e compreender o cenário ajuda a compreender a narrativa. Acho que isso vai ajudar não só a mim, mas as pessoas que assim como eu não têm tanto conhecimento sobre o assunto.

    • Brigada por ler e ptetender acompanhar, Ingrid =)
      Mas não houve coerção, você foi carinhosamente incentivada a ler u_u
      Pretendo sim falar mais sobre os diferentes gêneros, mas só o suficiente para situar, No blog do Trapeixe eventualmente falaremos mais “formalmente” sobre generos e su-generos.
      Quanto aos meus cenários, falarei deles tanto quanto eu puder.=)

  6. Renan! Eu sei, eu sei… Devia ter comentado há um “tempinho” já… mas enfim, cá estou!

    Eu gostei muito da proposta e vou acompanhar sim… Quanto a comentários, sei que os prometo no Trapeixe e acabo não comentado, mas… Pode devorar minha alma se eu não comentar pelo menos aqui… Ò.ó

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s