História Não Publicada – Capítulo 4 – Parte 1

Para entender melhor este projeto (sério, é importante!).

Leia o primeiro capítulo.

Rock and Roll Racing
Rock and Roll Racing

A garagem, que na verdade estava mais para um galpão, era até que arrumada. Alguns instrumentos jogados ali, outros acolá, mas provavelmente funcionava bem. O escritor nunca teve muito contato com música, pelo menos não com a parte de produzir, gravar, mas tinha visto um ou dois ensaios e a acústica do lugar bem que podia ser interessante. No entanto não estava muito certo quanto à quanto aquilo agradaria os vizinhos, provavelmente a bateria era ouvida em todos as construções próximas do local.

Ele e o Músico estavam sentados, jogados na verdade. Encostados no canto em que caíram e lutando para jogar o oxigênio que fosse em seus pulmões exaustos. Não tinham sido perseguidos a maior parte do caminho desde que saíram do armazém, mas isso não era desculpa para não andar o mais rápido que suas pernas podiam. Achavam que não atraíram atenção alguma, e era bom que isso fosse verdade, do contrário, estariam simplesmente fodidos. O lugar só tinha uma saída, coisa que o escritor logo observara, não passara longas horas de sua vida se preparando para um apocalipse zumbi para negligenciar uma coisa dessas. Mesmo que aqueles não fossem zumbis.

– Espero que você saia atirando por e atraindo cada filho da puta que esteja por aqui, garoto. – Risos ofegantes entrecortavam sua fala.

– Cê sabe, eu podia até tentar meter uma bala nessa sua cara infeliz. Mas, imbecil, você fez o favor de gastar cada balaço que tinha nas armas. Nas duas.

– Hmm… Aquilo foi necessário. Matar cada um deles traria problemas. Leva tempo mirar direito. Eu tinha que atirar o máximo possível e atrapalhar os movimentos. Até pensei em atirar nas pernas, mas…

– Não fode, tu não pensou nessas merdas na hora que o seu tava na reta, pensou?

– Claro que sim.

– Ah tá, sei.

Ficaram calados por um tempo. O Escritor repensando nos eventos da noite, tentando achar algo que lhe ajudasse a prever o que poderia acontecer no resto do dia. O que o Batman faria? Se perguntou em certo momento. Bom, provavelmente usaria a porra de um helicóptero para sair dali. Ou então meteria porrada em cada um daqueles infelizes. Não sabia se estava vivendo uma história de ação ou de terror, mas era melhor se preparar, pensar no que poderia acontecer no futuro. Isso era uma coisa que podia fazer.

Tirou sua mochila do canto escuro em que ela havia caído, pegou dois pacotes de Cheetos. Olhou para aquele tigre imbecil e teve raiva. Lembrou de Snes, daquele jogo em que tinha que pegar os pedaços da moto espalhados pelo jogo inteiro. Por algum motivo lembrou também de Road Rush e logo de uma discussão sobre Rock’n Roll Racing. Cansou de lembrar de coisas. Ficara rabugento com lembranças de tempos mais fáceis, mais felizes. Onde ainda tinha todo o universo maravilhoso da escrita pela frente. Uma época diferente de hoje. Muito diferente. Naqueles dias ainda tinha opções.

Carrancudo, pegou um caderno e folhas avulsas. Pensou em numerar a porra toda para depois não se perder. Mas não queria perder tempo. Uma parte lateral de sua cabeça, logo atrás das têmporas, urgia, clamando para que derramasse nas paginas o que passava em sua cabeça. Começou a escrever o que lhe vinha à mente, sobre o que havia passado nos momentos que vivera nas ultimas horas. Completava informações, escrevia capítulos novos. A caneta nanquim de ponta 0.5 riscava as paginas como um louco açoitando sua vítima com uma faca. O que escreveu era frenético, sem noção, sem técnica e sem seu característico linguajar arrojado.

Renan Barcellos, que muito queria uma coca

E que não sabe se escreveria mal ou não.

Anúncios

Um comentário sobre “História Não Publicada – Capítulo 4 – Parte 1

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s