Zerando Minha Steam Semana 3 – Afterfall: Insanity

Joguei bem pouco essa semana, mas pelo menos puder conhecer o segundo jogo da minha lista (que eu peguei de graça em alguma promoção). Afterfall: Insanity é um game de tiro em terceira pessoa que soa como uma espécie de Metrô 2033  encontra Dead Space e Fallout. A premissa é bem parecida com a de Metrô. Guerra nuclear, pessoas se escondendo em abrigos no subsolo e com a superfície imprópria para vida humana.O estilo do terror, contudo, com corredores claustrofóbicos e a jogabilidade acaba caindo em algo mais próximo de Dead Space.

Eu pensei que o jogo ia ser uma droga. Eu imaginei que fosse ser um jogo de tiro sem nada muito diferente e com só alguma história qualquer para cumprir tabela. Acabei me surpreendendo com Afterfall: Insanity. Ele não é um primor, mas é divertido, possui uma história razoável e algumas coisas interessantes no quesito terror. Tudo bem que eu não me senti particularmente com medo, mas tem uma tensão as vezes.

Afterfall-Insanity-Title

O protagonista do jogo é Albert Tojak, um psiquiatra e químico que por analisa as pessoas do abrigo polonês onde vive abaixo da superfície e estuda os efeitos que ficar encarcerado no lugar onde vivem causa nas pessoas. No entanto, também trabalho para um coronel que é o manda chuva no lugar, e envia os resultados dos estudos para ele. Logo no inicio da para ver que Albert também já começa a sofrer dos efeitos da doença que ele estuda, mas, no caso dele, aparentemente tem mais algumas coisas estranhas.

O jogo falha em criar uma tensão na maioria das partes que deveria deixar o jogador um pouco alarmado, mas um pequeno “plot twist” no início do jogo, me pegou de surpresa. Nem tudo é o que parece, até coisas que parecem com outras podem se revelar como na verdade sendo uma terceira. É, o início da história é um pouco confusa, mas foi interessante. Em todo caso, depois de ter um problema nas partes inferiores do complexo, Albert tem que ir para lá, e acaba descobrindo algo que fez as pessoas ficarem loucas e a se comportarem como lunáticos assassinos que não se importam com a própria segurança. O que se traduz em duas palavras: zumbis rápidos.

O combate não é dos piores, mas é bastante… fácil. O jogo ta no médio (não coloquei no hard porque eu queria terminar logo) e ainda assim ta fácil demais. Só pegar qualquer arma e ficar apertando o botão esquerdo do mouse para dar umas porradas nos lunáticos assassinos. No momento, eles foram os únicos inimigos que o jogo colocou para serem enfrentados, mas um monstro bizarro fez uma aparição tentando abrir um elevador. O protagonista não fez nenhum comentário sobre isso. O que foi uma decepção, visto que ele estava comentando as situações estranhas que estava passando.

Os gráficos não são lá essas coisas, mas até que fica bonitinho em resolução 1600/900. Os personagens, contudo, são inexpressivos e um tanto quanto… feios. O ambiente é melhor.

Tempo jogado: 79 minutos (desse jeito vai demorar pra diabo terminar tudo)

Renan Barcellos, que estava bebendo Earl Grey

E que precisava ainda ler esse livro e terminar o filme

Anúncios

2 comentários sobre “Zerando Minha Steam Semana 3 – Afterfall: Insanity

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s