Zerando Minha Steam Semana 6 – Anachronox

O terceiro título da minha lista na Steam é Anachronox e, felizmente, desta vez se trata de um jogo bom.

Anachronox é um RPG de console feito para Pc em uma época em que a diferença entre esses dois estilos era comum. Diferente de jogos como Baldur’s Gate (que eu vou ter que jogar daqui a um tempo) Anachronox não tem uma história aberta, que depende das escolhas dos jogadores ou que tenta simular um RPG de mesa, como era quase a regra dos RPGs de Pc. Ao invés disso, ele segue os moldes clássicos dos final fantasy bons, elegantes batalha por turnos e histórias sem ramificações.

Anachronox

Mas a comparação com Final Fantasy não continua. Diferente do jogo mais famoso da Square, Anachronox traz uma ambientação futurista, numa antiga cidade alienígena espacial e com uma estética bastante cyberpunk. E o nome desta cidade-planetóide é o mesmo do que o título do jogo. Encontrada completamente deserta há pouco mais de uma dezena de anos, Anachronox (que significa veneno do passado) tem esse nome por acreditarem algum veneno ou agente químico dizimou a população original do lugar.

É sob o olhar de Sly Boots, um detetive particular sem dinheiro, endividado e que começa o jogo sendo arremessado de uma janela, que a cidade é apresentada. E como não poderia deixar de ser, Anachronox tem toda uma pegada noir, com doses de um humor negro e por vezes irreverente.

A dívida de Boots é o que coloca a história nos trilhos. Sem conseguir nenhum caso de verdade e estando na mira da máfia local, ele começa a buscar trabalho. E devia estar bastante desesperado mesmo, porque vai atrás do antigo emprego de uma mulher que perdeu um braço e uma perna enquanto fazia o seu trabalho de explorar alguns túneis antigos. É assim que Boots acaba por conhecer Matavastros, um ancião estudioso que busca desvendar o segredo por trás das Mystech, objetos curiosos que podem ser encontrados na cidade e que ninguém sabe direito para que servem. Esse é o segundo personagem a entrar no grupo.

2327440-anox_2012_09_06_03_26_02_11

Não há muito o que se dizer sobre o sistema de batalha. É batalha por turnos clássica, embora tenha umas questões envolvendo movimentação que em minha opinião não são muito necessárias. Outro problema, é que cada nível representa uma evolução muito grande nos personagens. Isso acaba fazendo com que o fluxo dos combates mude muito a cada nível.

As questões mecânicas realmente não são o forte do jogo. Mas todo mundo que gosta de um bom JRPG sabe que o importante é a história, a ambientação e os personagens. E isso Anachronox sabe fazer muito bem. A cidade é imensa, com muita coisa para se explorar e ver, e os diálogos com os npcs acrescentam ainda mais para o clima noir e cyberpunk do lugar, em especial Fátima, a secretária de Boots que foi digitalizada em um aparelho devido a sua morte e está sempre pronta para lançar um comentário ácido ao seu chefe.

Tempo de Jogo: Duas horas e cinquenta minutos

 Renan Barcellos, que estava só bebendo água mesmo

E que poderia dizer que estava ouvindo folk, mas era ost de anime mesmo

Anúncios

2 comentários sobre “Zerando Minha Steam Semana 6 – Anachronox

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s