Zerando Minha Steam Semana 8 – Anachronox

Anachronox

Como era de se supor, ainda estou em Anachronox. E provavelmente vou ficar jogando ele por pelo menos mais um mês.

Uma coisa que tenho que admitir é que os combates do jogo continuam bastante chatos. O sistema é feio, ineficiente, e em geral, bem pouco divertido. E as lutas são demoradas principalmente porque o ataque dos personagens tem animações muito longas, mas nada como os guardian force de final fantasy VIII, claro. Houve umas pequenas melhoras até. Agora que a Mystech permite aos personagens o uso de magias, tem um pouco mais de estratégias que podem ser usadas (antes era só atacar, atacar e atacar) e o segundo boss que enfrentei teve até mesmo algumas coisas a se considerar na hora de enfrentá-lo. Claro que eu não considerei nada e apenas fiquei castando magia nele sem parar.

Mas por incrível que pareça, o jogo está cada vez mais legal. Os puzzles e a parte mais de “investigação” meio adventure do jogo são muito legais e o universo que criaram para Anachronox chega perto de ser divertido no nível Douglas Adams e o Guia do Mochileiro das Galáxias de coisas espaciais divertidas. Para falar a verdade, a situação do planeta Democratus é tão interessante que eu pretendo fazer um post só para isso.

No mais, já é o terceiro planeta que eu passo e ainda não sei exatamente o que está acontecendo no jogo. Não tem um vilão, não tem uma trama exatamente concisa e o próprio personagem principal, o irreverente, cínico e incrivelmente azarado Sly Boots quer mais é que todos os seus companheiros desinfetem dali e deixem ele em paz. Inclusive, houve uma cena no bar em que ele estava bebendo, dizendo que não quer fazer mais porra nenhuma e um a um os outros personagens foram importunar ele. A oportunidade de fazer alguma coisa que preste, pra variar, enquanto vai a uma região cheia de prostitutas foi o suficiente para que ele concordasse em ajudar a doutora Rho Bowman a conseguir umas peças que poderiam detectar eventos como o que destruiu o planeta Sunder.

E então que enquanto Sly Boots está lá, farto de coisas estranhas acontecerem, eles escutam vozes conhecidas. Vozes do conselho supremo de Democratus, planeta do qual eles caíram fora porque o povo era muito idiota. Olhando para trás, a surpresa. O planeta em miniatura, girando e com suas duas luas orbitando, e o conselho diz que houve uma votação e por unanimidade (momento em que um dos conselheiros reclama) decidiram usar uma tecnologia de miniaturização para poder acompanhar Boots e seus outros salvadores.

67-nox00196

Sim, o planeta entra para a party.

Renan Barcellos, que almoçava e bebia coca

e que nem precisava dizer até mais

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s